Notícias

Justiça proíbe 51 participantes de rinha de galos em Perdizes de frequentarem locais de eventos

A Justiça da comarca de Perdizes proibiu 51 pessoas de frequentarem bares, boates, eventos públicos, casa de jogos e de apostas. Eles são suspeitos de participarem de uma rinha de galos, em uma fazenda na BR-262 em setembro de 2019.

Conforme a decisão assinada em dezembro pelo juiz Cláudio Henrique Cardoso, os 51 envolvidos devem comparecer a todos os atos do processo quando forem intimados e devem informar, ainda, qualquer mudança de endereço.

Além disso, o imóvel onde ocorriam as disputas está indisponível para qualquer atividade.

Ainda segundo a decisão, em caso de descumprimento das medidas, os réus podem ter a prisão preventiva decretada.

Entenda o caso

No dia 23 de setembro, a Polícia Militar (PM) abordou os acusados em uma fazenda na BR-262, em Perdizes. No local, havia quatro arenas montadas em alvenaria, usadas a disputa das rinhas.

Ao todo, foram encontrados 78 galos com ferimentos, cinco galinhas com sinais de maus-tratos, e seis galos e uma galinha sem vida. A polícia também apreendeu 108 esporas, 35 biqueiras, 20 tesouras e mais de R$ 7,5 mil em dinheiro.

Todos os animais foram encaminhados para o Hospital Veterinário de Uberaba (HVU).

Por: G1 Triângulo/ Foto: PMMG

Deixe seu comentário